“DES-HIPERBOLIZANDO JESUS DAS NÃO EDIÇÕES DE SUAS COISAS!--(Editar e reeditar-se; em vez das coisas: gente! )

 Há, porém, ainda muitas outras "coisas" que Jesus fez. Se todas elas fossem relatadas uma por uma, creio eu que nem no mundo inteiro caberiam os livros que seriam escritos. João 21:25!

Observem aquilo que mais o "cristianismo" de nossos dias vem produzindo, as quais, de forma terrível, contrabandiam, traficam e narcotizam a fé entorpecida.Por exemplo: “Coisas”, “fazer”, “relatos”, “números”, quer sejam os números idolátricos simpaticamente e “cristã - na -“mente”, da crista do poder, da “mente-mentirosa”, do pai da mentira, que o tal cristianismo atual chama de “quantitativos e qualitativos". Quer do afã altruístico e filantrópico de alcançar o mundo inteiro, mas com "o mundo aprisionando a alma cristianizada”. Dos livros (bestsellers bookstore), dos grandes escritos e dos grandes escribas, dos híper – inventores do cristo deste século,mas não o Cristo de João, não! Este último; não é o Cristo de hoje!
O de hoje?...
É o "cristo" que ganha troféu de melhor evangelista, disco de ouro do melhor cantor, sêlo do melhor livro, melhor ministério profético do século e até do melhor cartão de crédito gospel, onde você pode depositar 100,200,300,400... até o místico número do "cristo de hoje", sim, o "900 da prosperidade que "vai à sua casa sem saíres de casa", pois, a “Bíblia da Prosperidade”, vem ter até o cliente, vacinando-o da probeza, imunizando-o da miséria, garantido abençoados cifrões da "pros-fé-ridade", que faz da moeda da boca do peixe, daquele mesmo que o discípulo pescou,um nada diante dos milhões na boca dos "tubarões do cristo deste século!"
Enquanto isso:...
O verdadeiro Cristo tem de continuar carregando a Cruz desse cristianismo inventado.Cruz que eu carrego,o coração sincero carrega,que voce que me lê carrega!
Mas há outra cruz;  A de ouro, adornada de diamantes, no peito do cristo deste século. Uma cruz punhal, que penetra sem escrúpulos o coração e rasga o bolso do irmãozinho desdentado, que dá “a semente da prosperidade”,que faria qualquer Club 700 ficar corado de vergonha, pedidos sem nenhum decoro,e;através de uma mensagem hiperbólica de um império da “Prosperidade", enquanto isso, o mencionado irmãozinho continua desdentado,e o pior; com uma hemorragia financeira que só o verdadeiro CRISTO pode curar!
E tem gente que pensa que era só o império romano que crucificava?...Há ainda hoje um império, que continua crucificando!

Graças a Deus por esse relato de João, o da não edição, pois; ...se Jesus vivesse hoje, no meio de muitos impérios do cristianismo, ele seria tentado novamente pelo diabo, O Coisa Ruim; mas é o coisa ruim mesmo, que dos pináculo das catedrais, numa tentação descarada, lhe desafiaria com a seguinte proposta: "edite todas essas coisas,seus milagres, maravilhas, sermões, etc. Venda tudo para os coisas do mercado deste meu império, destes "cristos", e deixe o povo que viva de coisas, pois, o Zé Povinho para meu império; é coisa mesmo!
"Oh Cristo, livrai-nos destes cristos!"...
Agora, para quem não é coisa mas é gente:
Louvado seja somente “Ele”, pois Jesus, o “Cristo”, não quer edições maiores que "nem caibam no mundo inteiro! "Ele" quer editar e reeditar,em vez de coisas; em gente!
“Gente inteira, cabendo no seu mundo”, e, o que restar: é império; que para Cristo, é coisa mesmo!

Bonani

Comentários

  1. Realmente Lutero tinha razão.. De 1518 a 2009 . Se passaram 491 anos e ainda continua a mesma coisa... indulgências, só mudaram de endereço. Que Deus tenha misericórdia desse povo.Shalom... Alexandre

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Escreva aqui seu comentário e enriqueça ainda mais o Blog com sua participação!

Postagens mais visitadas deste blog

O QUE REALMENTE QUER DIZER O PREGADOR SOBRE ECLESIASTES 9:8?

“ATITUDES INDISPENSÁVEIS EM RELAÇÃO AO GENUÍNO EVANGELHO!” (1a parte)

RELIGIÕES DO LIVRO E A INCOERÊNCIA DA LITERALIDADE!"