PARA QUEM GOSTA DE UM "BOM PAPO DA GRAÇA"!


«Deus, livra-me de deus!»
O mais belo que o homem pode exprimir sobre Deus, consiste em que a partir da sabedoria do reino interior ele possa silenciar-se.
Faça silêncio, por isso, e não tagareles acerca Deus, pois mentes, com isso de tagarelares acerca d’Ele, cometes pecado
. Aurélio Agostinho, bispo de Hipona, «Sermão 11», Tratados e Sermões

RAZÃO – Pode-se discorrer sobre os mais variados assuntos, de uma forma honesta, coerente e límpida, sempre num registro lógico e razoável…ditado pelo raciocínio, pela razão, mesmo que em discordância com o timbre das conveniências.
LUCIDEZ – Pode-se construir um discurso, literariamente organizado e harmonioso (mesmo belo!), ditado pela clarividência de análise intelectiva, mesmo que os objetivos pareçam ou sejam intuídos (por uma maioria), carregados de dissonância.
PROFECIA – Pode-se falar em nome de outrem, sem disso se ter consciência, veiculando uma mensagem com um certo sentido para o ouvinte e um certo sem - sentido para o emissor, ou melhor, com duplo sentido: o emissor concebe e manifesta com determinado propósito, mas é percebido pelo receptor, com sentido, profunda e totalmente, diferente ou mesmo oposto.

Quando esses elementos: (razão, lucidez e profecia), são “construções” na sabedoria do reino interior,e, como um farol, construídos dentro da “imensidão eterna da ilha do espírito”; com certeza: a luz do Evangelho se expandirá em todo o lugar e o navegante da existência será guiado e "cessarão as tagarelices!"
Essa deve ser   a meditação do discípulo do “Papo da Graça”, pois, se assim não for, é “Papo de Graça”, “Papo sem Graça”, "Papo de Graxa", e que, melhor mesmo, seria chamar-se : “Papo Nenhum”!
Nisso Pense...
Para e pense Nisso…

Bonani, (...às vezes interpretado como “Um Papo Chato”!)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O QUE REALMENTE QUER DIZER O PREGADOR SOBRE ECLESIASTES 9:8?

“ATITUDES INDISPENSÁVEIS EM RELAÇÃO AO GENUÍNO EVANGELHO!” (1a parte)

RELIGIÕES DO LIVRO E A INCOERÊNCIA DA LITERALIDADE!"