"HÁ UMA CRIANÇA EM MIM!"


 
Há uma criança em  mim!

Há uma criança em mim que sempre foi!

Há uma criança em mim que não tem pai nem mãe!

Há uma criança em mim que não é pai nem mãe, nem irmão!

Há uma criança em mim que não pode ser abortada!

Há uma criança em mim que não possui sexo e não precisa de sexualidade!

Há uma criança em mim despida. Não precisa de roupa!

Há uma criança  em   mim  nutrida, não precisa de comida!

Há uma criança em mim que se identifica com todas as demais crianças iguais a ela!

Há uma criança  em   mim  que   não conhece  escola!

Há uma criança em mim que não se rege por moral, ética, ciência, filosofia, religião, ordem ou confraria!

Há uma criança em mim que não tem dor nem faz doer os outros!

Há uma criança em mim que não tem medo do bicho papão, porque na verdade não tem medo de nada!

Há uma criança em mim que não é médico, engenheiro, psicólogo, poeta, politico, prêmio Nobel, clérigo, cético ou ateu!

Há uma criança em mim que não procria, não copula e nem é copulada!

Há uma criança em mim que não mata e não pode morrer!
Há uma criança em mim que não julga nem pode ser julgada!

Há uma criança em mim que não condena e não pode ser condenada!

Há uma criança em mim que não carrega traumas nenhum, não traumatiza nada e ninguém!

Há uma criança em mim com  a “Verdadeira  Felicidade do  Reino Natural de uma Criança!”

… Em verdade vos digo que se não vos converterdes e não vos fizerdes como crianças, de modo algum entrareis no reino dos céus. Mateus 18:3

 

BONANI

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O QUE REALMENTE QUER DIZER O PREGADOR SOBRE ECLESIASTES 9:8?

"A Igreja Fábrica de Gente e Suas Peças de Produção"

“ATITUDES INDISPENSÁVEIS EM RELAÇÃO AO GENUÍNO EVANGELHO!” (1a parte)