"ORGULHO: O DEMÔNIO DA PROVETA ALMA!"

Bem-aventurados os mansos e humildes de coração , pois deles é o reino dos céus ! (Mateus 5 : 5)

Jesus é humilde, anda com humildes, come com eles, enaltece-os  em detrimento do orgulho e ostentação, principalmente o da classe religiosa! 
Falemos do "orgulho!"
Observável em qualquer parte do planeta, mas seu principal quartel geral, que por vêzes não parece ser tão observável assim, é a alma, pois está instalado desde sempre no coração! Coração que  o alimenta insaciavelmente com  tal combustível energético maligno que parece não ter fim!
"Me pego orgulhoso e parece tão difícil desapegar-se!" 
...Gente! 
...É horrível!  
O orgulho é  auto suicídio da alma!!!
Percebo que não há na verdade como arraigá-lo  sem a intervenção de uma força maior, de um instrumento mais potente, de um método mais eficiente, de algo absolutamente superior! 
Orgulho é vaidade da alma se impondo à sobrevivência e sobre os demais sobreviventes custe o que custar!
Possui como seu maior instrumento de manifestação as mascáras que são as aparências existencias que na verdade são nossos demônios amestrados que carregamos desde sempre na alma  e que possuem  poder de nos anesteziar por anos ou mesmo por toda uma vida  sem darmos conta!
Ou melhor; 
...Por vêzes sim, damos conta! 
Entretanto o sinismo nos leva a ignorá-lo conscientemente e como um ópio viciante continuamos a carregá-lo como a miserável sina propondo sua  continuidade como aquela "música miserável do alguém miseravelmente traído":... 
...você não vale nada mas eu gosto de você!...
Sei  que exorcizar esse demônio não é tarefa mágica da mística invocatória do Nome, pois, não se trata de doença ou espírito invasiva e instalada no ser  sem permissão. ...É demônio-proveta criado na alma e por ela  alimentado! 
É tão forte e resistente que tem que se matar ao poucos, processualmente,com o uso de um esquema e uma dieta bem balanceada que vai sendo liberada, momento após momento, minuto após minuto, dia após dia.É como uma carga de penincilina diária, até que o "bicho" morra, bombardeado pelo processo terapêutico, consciente que sempre necessitará de um acompanhamento e tratamento de base e  manutenção constante e ininterrupta  pelo resto da existência.
Não é tarefa fácil! 
Cada dia precisarei discernir muito bem onde atacar.

BONANI

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O QUE REALMENTE QUER DIZER O PREGADOR SOBRE ECLESIASTES 9:8?

“ATITUDES INDISPENSÁVEIS EM RELAÇÃO AO GENUÍNO EVANGELHO!” (1a parte)

"A Igreja Fábrica de Gente e Suas Peças de Produção"