"MARINA SILVA E O MINISTÉRIO PARA ASSUNTOS EVANGÉLICOS!"



Fui ordenado ao ministério há mais de 25 anos atrás. Estavam presentes  no Evento: o Concílio de Ordenação  constituído por mais de uma dezena de Ministros da Palavra os quais, antecipadamente me examinaram e recomendaram  minha ordenação, como também outros Ministros e irmãos convidados!
Naquele dia diante de Deus fiz um juramento de fidelidade ministerial em zelar das coisas concernentes  aos Princípios Evangélicos.Tudo isso está registrados na Atas de Ordenação da "Ordem dos Ministros Batistas Independentes".(Brasil) 
Durante todos esses anos, nunca permite que políticos usassem o púlpito  para qualquer  exposição doutrinária partidária ou mesmo de seus programas políticos. Até amigos íntimos meus que eram candidatos faziam sua campanhas em outras geografias entretanto nunca naquele momento que estávamos reunidos para celebrar a Cristo!
Não me arrependo! 
Também nunca usei do ministério para empoleirar-me em qualquer cargo político e nunca permiti também fazer da comunidade poleiro para qualquer intenção política.
Já fui convidado por Maçons, gente amiga e Partidos Políticos para concorrer, entretanto, rejeitei todos os convites visto que diante da sublimidade de minha vocação, não usaria da popularidade para produzir o populismo. Odeio e repudio tal atitude!  
Creio que um líder é sim um formador de opinião e consciência. São atributos que saudavelmente exercitados e ensinados, produzirão no seu momento certo e lugar certo  suas expressões e resultados. Não tenho rabo amarrado com ninguém  no quesito de coligações, simpatias ou  algum compromisso com política na esfera ministerial. Respeito a livre consciência, a liberdade das decisões pessoais como também da sobriedade e lucidez que o evangelho naquele que tem como "ser pensante a nova natureza em Cristo Jesus! É nessa esfera que exerço minha postura partidária; ...exclusivamente no forum da minha consciência  e jamais usarei influências  da minha liderança como  pretexto para manipulações de decisões políticas. 
Quem é bem formado e informado no Evangelho, expressa com inteligência sua decisões ideológicas e ao fazê-lo não fica devendo nenhuma justificação para ninguém!
Fico indignado quando vejo ministros da  Palavra   usando as redes sociais e o púlpito para influenciar a cabeça  dos fiéis sem que, de antemão lhes capacite a exercer a liberdade política segundo a livre consciência de cada um, simplesmente ficam usando clichés de cunho bíblico, profético, emocional como pretexto de suas próprias ambições!
Acreditem; 
...Existem líderes denominacionais que obrigam seus liderados a votarem em fulano com tal tom de autoritarismo arrogante e desmedido como também ameaças  de perdas de cargos ministeriais!
Dou Graças ao meu Bom Deus  não ter permitido que a Marina   fosse eleita presidente do Brasil, pois creio de sã consciência que  o Brasil não está ainda preparado para ter um líder evangélico!
A Marina ainda vai agradecer o livramento que teve!
Imagina vocês  se ela fosse eleita. Teria de ter um "Ministério  para Assuntos Evangélicos" só para atender os  interesses de muitos ditos ministros da Palavra que usariam dessa política como poleiro de seus próprios interesses!


Tá dito; 

BONANI

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O QUE REALMENTE QUER DIZER O PREGADOR SOBRE ECLESIASTES 9:8?

“ATITUDES INDISPENSÁVEIS EM RELAÇÃO AO GENUÍNO EVANGELHO!” (1a parte)

RELIGIÕES DO LIVRO E A INCOERÊNCIA DA LITERALIDADE!"